28 de fevereiro de 2017

BOOKS #11 | A Casa da Morte (James Patterson)

Mais um livro lido e, como vem sido habitual, mais uma book review. Este foi o terceiro livro que li este ano (lembra-se de ter dito que queria ler pelo menos 12 livros este ano?). Acho que estou a ser bem-sucedido, pelo menos para já, nesta minha “resolução”.


Sendo assim, trago-vos mais uma book review do livro de um autor que descobri recentemente mas que me prendeu logo ao final do primeiro livro. Estou a falar de qual? De “A Casa da Morte” de James Patterson. Este é um livro que já conta com algumas reviews por essa blogosfera fora mas, mesmo assim, quis deixar-vos a minha opinião.

Eis a sinopse:
“O número 7 da Ocean Drive é uma propriedade multimilionária nos Hamptons, com vista para o mar, onde o dinheiro e o estatuto social não conhecem limites. Mas a sua fachada em magnífico estilo gótico esconde um passado terrível: a casa foi palco de uma série de homicídios sádicos e brutais que nunca foram resolvidos. Conhecida como “A Casa da Morte”, encontra-se agora abandonada, e os habitantes locais preferem passar à distância.
Quando um homem influente e poderoso e a sua amante são encontrados mortos naquela propriedade, a violência do local do crime choca a detetive Jenna Murphy. E o que, a princípio parece ser um caso simples, acaba por revelar tantos segredos chocantes como a própria Casa da Morte.
À medida que mais cadáveres vão surgindo, Jenna descobre que os segredos que a Casa da Morte encerra remontam ao seu próprio passado. E antes que a fatídica casa faça mais uma vítima, a detetive percebe que terá de arriscar a própria vida para descobrir a verdade.”

Conseguem perceber o motivo pela qual comecei a ler?

Quem costuma acompanhar estas minhas book reviews sabe que adoro e tenho um “fraquinho” por policiais/thrillers e esta sinopse prendeu-me logo.

Jenna é uma mulher insegura, introvertida e reservada com um passado obscuro. A mesma não se lembra de um episódio da infância dela mas, ao passar pela Casa da Morte, sente-se fascinada e tentada sempre a entrar e tentar investigar um bocadinho mais sobre a casa. Uma série de homicídios brutais vai surgindo e Jenna começa a ficar mais intrigada com o modus operandi do assassino e aí começam as suspeitas sobre quem será a verdadeira identidade do assassino.

Será Noah, que é acusado com provas aparentemente reais?
E o tio Langdon? Qual o real motivo que o levou a tomar a atitude que teve? Corrupção? Descarga de consciência?
Quem é Aiden?
Será Isaac o verdadeiro assassino?
E Justin? Qual a razão de ter herdado uma fortuna inestimável na sua vida?

São estas e outras perguntas que surgem ao longo do livro e que nos leva a querer ler sempre mais uma e outra página. Quem é o assassino? Qual o motivo? Os últimos capítulos são bastante reveladores e trazem-nos toda a verdade desta história. Só há um “problema” a meu ver: o final é bastante rápido e deixa muito no ar. Uma pessoa fica a questionar o que terá acontecido depois ou o que levou os personagens a tomar a atitude que tomaram.

Quem aí já leu este livro?
Contem-me tudo!

Até lá, bons post’s ;)

10 comentários:

  1. Fiquei curioso, gosto do género. A determinada altura parecia que estava a ver um filme... será que existe alguma adaptação para o cinema? :) :)
    Tudo de bom.
    :)
    ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que eu tenha conhecimento não mas olha que não seria uma má ideia ;)

      Abraço

      Eliminar
  2. Ricardo nem sabes o quanto ando louca para ler este livro. Adoro thrillers, aliás, é tudo o que tenho lido nos últimos tempos! Mas também te digo, os últimos livros que tenho lido, têm todos estes finais mais abertos e horríveis para ser sincera -.- é moda isto agora ou quê?
    THE PINK ELEPHANT SHOE // INSTAGRAM //

    ResponderEliminar
  3. Eu agora ando a ler "Os Adivinhos" de Libba Bray que é um senhor livro de 600 páginas. Até agora estou a gostar. Foge um bocado do que costumo ler. Vamos esperar pelo final ;)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Nunca li esse livro em particular , mas eu sou pouco fã de leitura, têm de ser coisas demasiado específicas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Você tem que começar a alargar os seus horizontes :p

      Eliminar
  5. nunca li traillers, sou mais de leituras sem ter de pensar muito, estou a ler o às nove no meu blog e é um livro que toda a gente mal disposta (como eu) devia ler :) dá que pensar na vida e no tempo que perdemos com coisas que não valham a pena, e ainda não pensei no próximo sinceramente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois do que estou a ler (ver acima nos comentários) já tenho uma lista de 8 ou 9 para ler xD

      Eliminar
  6. Este não é o livro que me cativa à primeira vista mas confesso que, com a sinopse e a tua review, fiquei bastante curiosa e interessada em ler mais! E eu também tenho uma meta para este ano: ler 20 livros. Vou nos 9, pelo que acho que também estou a portar-me bem! :)

    With love, Miss Melfe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora ando a tentar alargar os géneros de livros que ando a ler mas policiais são a minha paixão :)

      Eliminar