13 de dezembro de 2016

Crómio – o teu melhor amigo no combate aos doces

A época festiva está cada vez mais perto e vocês, certamente, estão a pensar “oh meu Deus, vou engordar 5kg só a comer doces. São todos tão bons e quase impossíveis de resistir”. Costumam passar por esta fase? Sim? Então este texto é para vocês, pois estou aqui para vos apresentar aquele que irá ser o vosso melhor amigo nesta época.


Crómio: já ouviram falar?
Pois bem, o crómio é um mineral essencial que contribui para o metabolismo normal dos hidratos de carbono, lípidos e proteínas. Para além disso, apoia o processo biológico responsável pela manutenção de níveis normais de açúcar no sangue.

A reserva de crómio no nosso organismo encontra-se entre os 4 e os 6 mg. Com o avançar da idade, a concentração de crómio nos vários tecidos pode reduzir significativamente. Comer um doce pode proporcionar um alívio temporário, devido à intervenção do açúcar que dá energia imediata, mas o efeito desaparece logo de seguida. A longo prazo, estes desejos por doces poderão ter um efeito negativo no peso. Quem é que quer engordar “acidentalmente”? ;)

Onde podemos encontrar o crómio?
Em alimentos como marisco, nozes, passas, carne, feijão e pimenta preta.

Qual o verdadeiro efeito do Crómio? Quais as vantagens? Como me vai ajudar?
Simples. Uma vez que interfere no metabolismo do açúcar no nosso organismo, vai fazer com que a curva da glicémia (níveis de açúcar no sangue) esteja “controlada”, ou seja, que não haja picos. Não havendo picos, não temos desejos súbitos de comer doces. Não tendo estes desejos, já perceberam o que acontece, certo? Não engordam os 5kg que vos preocupa e que vos está a colocar em estado de stresse antecipado! ;)

Mas oh Pinguim, há forma de controlarmos isso para além da alimentação?
Sim, há. Recorrendo à minha experiência profissional, há suplementos alimentares com crómio na sua composição. Neste caso em particular, estamos a falar de levedura de crómio orgânico – a única aprovada pela European Food Safety Authority a ser vendida na União Europeia. A levedura de crómio tem uma absorção até 10 vezes superior a outras fontes de crómio, como o picolinato de crómio e o cloreto de crómio. De 1 a 3 comprimidos por dia, às refeições, os níveis de glicémia ficam estáveis e os desejos por doces desaparecem gradualmente. Posso dizer-vos que já recebi relatos de pessoas que ficaram “desconsoladas” porque estavam num mesa cheia de doces conventuais (ainda por cima) mas não tinham vontade nenhuma em comê-los.

Gostavam de saber como “funciona” um suplemento de crómio no nosso organismo?
Para saberem como o crómio se vai comportar no nosso organismo e qual o seu efeito, convido-vos a verem este vídeo.

Com isto, não vos estou a incentivar a ingerirem suplementos deste género “só porque sim”. Apenas estou aqui para vos dar a conhecer que existem. Mas se vocês não conseguem controlar os vossos desejos por doces e sentem vontade de comer todos os que estão na vossa mesa de Natal, se calhar poderão colocar a hipótese de, durante esta época festiva, fazerem um suplemento à base de crómio para controlarem esse vosso “apetite”.

Quem aí tem desejos incontroláveis por doces?
Contem-me tudo!

Até lá, bons post’s ;)

9 comentários:

  1. Que nice! Nao fazia ideia xD

    Beijinho
    The-not-so-girlygirl.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só quando comecei a trabalhar é que me apercebi do "poder" do Crómio ;)

      Beijinho

      Eliminar
  2. Great post

    http://mensfashionobsession.blogspot.rs/

    ResponderEliminar
  3. O M G!!!
    Eu sou louca por chocolatinhos, docinhos, tudo o que é sobremesa, guloseima, nada (praticamente me escapa) e é terrível, porque - ainda por cima - só como a horas nada aconselháveis. Este crómio havia de existir na minha vida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E pode existir. Basta andar à procura dele ;) vais ver que te ajuda a controlar os desejos por doces. Ehehe

      Eliminar
  4. Eu é mais... pão! Não gosto de chocolate, por isso é fácil controlar essa parte! Apesar de, no pico mais forte da minha dieta, ter TANTO apetite que até chocolate me apetecia, vê lá! =)
    E obrigada pela dica do crómio! De facto desconhecia estas coisas! =)

    Um beijinho dourado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não digo para uma pessoa deixar de comer doces. Eu próprio os como de vez em quando (alternativas menos calóricas que aqueles que comia antigamente, claro). De vez em quando sabe sempre bem e não é por uma vez de longe em longe que a dieta vai ficar estragada ;)

      Beijinho "Pinguinizado" :p

      Eliminar
  5. Oh pa a imagem está a coisa mais cómica colega, adorei o post.
    Parabéns

    ResponderEliminar