27 de julho de 2016

Devo ser o único que ainda não falou disto...

Pois é meus caros, devo ter sido mesmo a única pessoa que ainda não falou sobre o fenómeno que está a ser esse jogo - o Pokémon GO.


Quando era miúdo, confesso que jogava as cartas do Pokémon com os meus amigos, jogava os jogos (quase todas as versões) no Game Boy (o meu não era o colour, pelo que tinha uma visão um pouco desvirtuada da coisa mas viciei-me no jogo na mesma xD), via os desenhos animados na televisão, vibrava com o Pikachu, tudo o que possam imaginar um miúdo a gostar, eu era esse miúdo. 

Quem nunca?

Eis que chega o jogo. Toda a gente fala do jogo, toda a gente comenta o jogo, toda a gente diz que vai apanhar Pokémons até que fiquei com curiosidade e fiz o download do dito jogo. Confesso que gostei do conceito, daquela "regra" de que os Pokémons aparecem em locais onde eles "naturalmente" viveriam no nosso Mundo, os pesos, as alturas deles. Confesso que gosto desse conceito e até está engraçado...

Até que começo a ler notícias absurdas de viciados no jogo que deixaram os seus empregos para andarem à procura de Pokémons (wtf?) pelo Mundo, que morreram não sei quantas pessoas porque andavam à procura de Pokémons, que um jornalista interrompeu uma entrevista porque o telemóvel vibrou com a presença de um Pokémon (ele é que me saiu um grande Pokémon...), que as pessoas caíram no mar porque andavam colados ao telemóvel, etc etc etc...

Será que anda tudo louco?!
Será que o pessoal está assim tão viciado no mundo virtual que se esquece que há uma vida REAL que precisa de ser vivida e não desperdiçada?!

O pessoal não tem amor à vida? Não precisa de trabalhar para se sustentar?

Mas o que é que se passa? Ainda hoje, durante a minha corrida, passei, em duas vezes distintas, por grupos de pessoas de telemóvel na mão, com a música do jogo em altos berros, a andarem de um lado para o outro à procura de Pokémons. Em plena luz do dia, em pleno local verde aqui no Porto (Parque da Cidade)... Um local onde podiam aproveitar para caminhar, correr, aproveitar o sol, aproveitar o local verde, a natureza, simplesmente estar, não! Andavam feitos parvinhos a apanhar Pokémons...

Onde é que isto vai parar?
Melhor, quando é que isto vai parar?

Já vieram informar que vão colocar o jogo mais interactivo e que as pessoas irão conseguir cruzar-se com outros jogadores e debaterem-se entre si. Até tenho medo que chegue esse dia...

Meus amigos, o mundo anda perdido?!

Sem comentários:

Enviar um comentário